Em Campinas

Como já disse, estudo em Campinas. A saudade da terrinha bate, às vezes. Por isso, fico inquieto ao ver algo maringaense em terras campineiras e falo com quem esteja ao meu lado: “Olhe! Maringá!”. Algumas observações

… Tive vontade de comprar uma camisa do Galo Adap. Pena que não deu tempo;

… Os carros de empresas que prestam serviços à Telefonica têm todos placas de Maringá;

… Ao voltar, no final de fevereiro, pude perceber que Mala Pronta, de Hugo Pena e Gabriel, é, realmente, um sucesso nacional. Aqui, também, as pessoas costumam ouvi-la no repeat ou em seus carros — você está na rua e ouve PODE IR EMBORA, QUE EU ARRANJO OUTRA. Dá até vontade de tomar uma tubaína Ouro Verde;

… Tinoco faz propaganda dos Caminhões Dois Pinheiros. Há um outdoor com ele na avenida Lix da Cunha. Queeee beleza!

… Soube da existência do grupo TUM na Faculdade de Educação da Unicamp. Eles farão a aula inaugural dos cursos de Pedagogia e Licenciatura Integrada em Química e Física sobre o tema Medidas contra a violência, de Bertolt Brecht no próximo dia 17, às 19h, no auditório do Instituto de Artes. I hope I’ll be there.

Anúncios