Dias melhores virão

Até o mundo mineral sabe que o projeto da “Maringá de Toda a Nossa Gente” era o melhor para a cidade. Os menos favorecidos, inclusive a classe média ascendente, continuam sofrendo as agruras de um governo que só é azul para os ricos e aliados.

Continuamos aguardando ansiosamente e esperançosos a decisão do TSE, que pode corrigir o erro de um eleitorado composto por iludidos pela propaganda oficial mentirosa ou cúmplices de esquemas barrentos sórdidos.

Anúncios

Mesa redonda sobre PAC e políticas sociais

O Observatório das Metrópoles da UEM promove no próximo dia 26 (sexta-feira) uma mesa redonda sobre PAC – Programa de Aceleração do Crescimento – e políticas sociais. Será no auditório Ney Marques, às 14 horas. Participam da mesa de debate as professoras Ana Lúcia Rodrigues e Celene Tonela, do Departamento de Ciências Sociais, e o ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão, Paulo Bernardo Silva.

Paulo Bernardo, gente boa, nasceu em São Paulo mas fez sua carreira política no Paraná, sendo eleito deputado federal por três mandatos. Também foi secretário de Fazenda em Londrina. É ministro desde 2005. Paulo é twitteiro assumido e, assim como eu, Rafa C., e Gustavo T., tem bom gosto para o futebol e torce para o Palmeiras.

Paulo Bernardo, sempre bem humorado, ao lado de Rafinha Bastos