Aposta

Vandré Fernando, conselheiro tutelar de Maringá e vidente nas horas vagas, apostou com meio mundo que o senador Alvaro Dias seria candidato ao governo do Paraná. Como o PSDB preferiu o “perfeito” de Curitiba Beto Richa, Vandré perdeu um bom dinheiro.

Buscando recuperar parte da grana, o persistente Vandré Fernando resolveu apostar de novo. Na sua nova previsão – contrariando o fato de que o irmão Osmar Dias será candidato ao governo do estado, muito provavelmente com o apoio do PT de Dilma -, Alvaro Dias será candidato a vice-presidente na chapa de José Serra. Eu acho que não, e apostei um mico-leão dourado com o Vandré.

E você, leitor, o que acha da possibilidade de um paranaense ser candidato a vice-presidente? Quem quiser apostar, é só mandar recado pro Vandré.

Alvaro Dias não esconde sua preocupação ao ver que Vandré Fernando vai perder dinheiro mais uma vez.

Anúncios

Sonho que se sonha junto é vero

Apesar do título, o post nada tem a ver com o José Cláudio.

Na noite passada, sonhei que estava em uma feira livre — talvez por ter passado na feira do Produtor, à noite. Em uma das barracas, reconheci o Jaime Lerner comprando legumes*. Fui cumprimentá-lo, ao que apareceram Alvaro Dias e Roberto Requião de mãos dadas. Os três esperavam alguém — mas, antes que o tal chegasse, acordei assustado. Será que era o próximo governador?

* Por falar em legumes, o Hilário Gomes soltou essa: “Faca de dois legumes“. Sempre fico receoso de comentar essas coisas, porque nunca sei se se trata de gozação ou de erro, mesmo!