Maringá altera data do feriado de Natal

O maringaense está acostumado a não comemorar o aniversário da cidade na data correta. Há alguns anos, a pedido da Associação dos Sonegadores de Impostos de Maringá (A$$$IM), o feriado é alterado quando o dia 10 de maio é antes do Dia das Mães. Com o objetivo de bombar as vendas de presentes para as mamães maringaenses, o feriado deste ano ficou para o dia 13 de maio.

A experiência tem se mostrado bem sucedida. Os barões do comércio apresentam lucros maiores ano a ano. Por isso, o prefeito Gualberto Cupim (PMRB*) enviou à Câmara projeto que muda a data do feriado de Natal. Celebrado em todo o mundo no dia 25 de dezembro, Cupim quer que os maringaenses comemorem o nascimento de Cristo em 25 de junho.

Segundo o prefeito, a chegada do inverno é propícia para o Natal: “Devemos comemorar o Natal como no Primeiro Mundo, agasalhados e, se possível, com neve. O friozinho de junho já temos. Vou aos Estados Unidos na semana que vem em busca de uma tecnologia que nos proporcione neve artificial da melhor qualidade”. Ressaltou também que junho é carente de datas comemorativas: “Dia das Mães é em maio, Dia dos Pais em agosto, Dia das Crianças só em outubro. Como vender em junho? Entendo que a atencipação do Natal é mais uma atitude progressista de nossa bela cidade”.

Estátua do Peladão abaixa os braços por causa do frio, se agasalha e comemora o Natal junino.

Estátua do Peladão abaixa os braços por causa do frio, se agasalha e comemora o Natal junino.

* Pau Mandado do Ricardo Barros.

A$$$IM

Do blog Maringá Manchete:

“Projeto do Executivo, em votação hoje na Câmara de Vereadores de Maringá, autoriza o Município a fazer convênio com a ACIM para a 21ª Maringá Liquida. O Município irá repassar R$ 120.000 para a realização do evento que irá ocorrer entre os dias 21 e 24 de fevereiro.

Opinião: caso os vereadores tenham um pouco de vergonha na cara, não podem liberar uma verba dessas para a realização de uma feira particular, onde somente a ACIM que ganha, nem os comerciantes participantes ganham. Dinheiro meu e seu colocado em atividade particular que visa lucro.”

Concordamos com o colega Agnaldo Vieira. Este blog, que em 2011 quase foi processado pelos bons samaritanos da digníssima associação, desde sempre entendeu o real objetivo da Sociedade Civil Organizada (A$$$IM e aliados) quando fizeram chilique contra o aumento de vereadores na Câmara. Elementar, caro maringaense: com mais representantes do povo na casa de leis, seria mais difícil conceder repasses absurdos como esse. É mais fácil manter o controle de 15 do que de 21 ou 23.

Aos patifes que caíram no engodo dos paladinos da democracia, supostos defensores da economia dos cofres públicos, aquele abraço. A aristocracia maringaense segue sua nau.

Uma entidade privada precisa de 120 mil reais dos cofres públicos?

Uma entidade privada precisa de 120 mil reais dos cofres públicos?

Aniversário de Maringá

Maringá faz aniversário hoje, mas quem merece parabéns são os filhos da puta da A$$$IM (Associação dos Canalhas e Inescrupulosos de Maringá), que mais uma vez tiveram a manha de alterar a data do feriado comemorativo.