Dr. Gregory Ingá

Estava aqui assistindo House e comecei a imaginar como seria um episódio da série em Maringá. Imaginei algo assim:

Um adolescente de quinze anos começa a reclamar de dor abdominal para sua mãe, que verifica que ele também está com febre. Depois disso o jovem vomita e a mãe vai com ele até o NIS mais próximo. Chegando lá, os funcionários dizem a mãe que nada pode ser feito no local e encaminham ela e filho para o Hospital Municipal. De TCCC ela vai com seu filho doente para o HM. Já no HM, depois de um tempo de espera, eles são encaminhados para a equipe do Dr. House. Eles examinam o jovem e levam os resultados para o Dr. House (nesse momento o garoto começa a apresentar diarréia). Entretanto, House nem olha os resultados dos exames e diz que o jovem está com dengue, mas o tratamento não dá certo. Então acontecem aquelas coisas típicas da série, como, por exemplo, mais diagnósticos errados, o House tomar vicodin e achar que o garoto mente. No fim do episódio, House prova que o garoto estava mesmo mentindo e que foi ao centro da cidade escondido de sua mãe. No centro ele comeu alimento contaminado por fezes de pombos, pegando salmonelose.

(Publicado no Maringá, Maringá em 11/01/2009)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s